Página Inicial Facebook Twitter Instagram YouTube WebMail

NOTÍCIAS - DR METROPOLITANA





ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Sete Lagoas pode ter escritório de engenharia e arquitetura públicas

Postado em: 02/08/2011

Fonte: www.daltonandrade.com

Por: Caio Pacheco - Assessoria de Imprensa do vereador Dalton Andrade (PT)

Famílias de baixa renda podem vir a ter, ainda este ano, a assistência técnica gratuita de engenheiros, arquitetos e urbanistas na elaboração de plantas e na execução de suas obras para construção de casas populares. É o que ficou sinalizado em reunião ocorrida nesta segunda-feira, 1° de agosto, às 9h, na Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Gestão, quando foi discutida a criação do Escritório Público de Engenharia, Arquitetura e Urbanismo nos termos do anteprojeto de lei de autoria do vereador Dalton Andrade (PT), aprovado em 2009.

Sete Lagoas tem cerca de 6 mil famílias que construíram residências sem plantas, fato que impede todas elas de terem a escritura do imóvel, ligação de água e regularização da propriedade na prefeitura. Um projeto piloto deverá ser feito para começar a resolver este problema social e urbanístico, anunciaram Luiz Márcio Cunha Machado e Cláudio Ribeiro Figueiredo, respectivamente secretário de Planejamento e secretário-adjunto. A reunião teve a presença do vereador Dalton Andrade, de sua chefe de gabinete, Lidiane Carvalho de Campos e do presidente do Sindicato dos Engenheiros de Minas Gerais (SENGE), Raul Otávio da Silva Pereira.

“O projeto piloto será realizado a partir do atendimento a famílias carentes de acordo com orientações da equipe de arquitetos do Departamento de Licenciamento de Obras”, informa Ribeiro. Para demonstrar a viabilidade do projeto, Dalton recordou que “o SENGE indicou recursos financeiros de Brasília para serem aplicados em habitação popular”. No ponto de vista de Raul Pereira o seminário sobre habitação realizado em 2009 pelos vereadores Dalton Andrade (Sete Lagoas) e Neusinha Santos (BH) “lançou a semente do escritório público, fator de valorização do profissional de Engenharia”, destaca.

Em termos legais, o município de Sete Lagoas está adequado para receber apoio financeiro do Governo Federal por meio do Fundo Nacional de Habitação por Interesse Social, pois conta com o Fundo Municipal de Habitação, o Conselho Gestor de Habitação Popular e o Plano Municipal de Habitação – de autoria de Dalton Andrade – tripé que permite o repasse de recursos da União para o Município investir em projetos habitacionais para famílias carentes, afirma Elto Sávio Rezende Dutra, da Central de Acompanhamento de Projetos da Secretaria Municipal de Planejamento, Orçamento e Gestão.

Enviado por: Luiza Nunes.


O presidente do Senge-MG discutiu engenharia pública com o Secretário de Planejamento
de Sete Lagoas, Luiz Márcio Cunha.

Cadastre-se e receba o Senge Online, a newsletter semanal do Senge-MG.

* Nome:
* E-mail:
* Empresa:
Telefone:
Código:

NEGOCIAÇÕES COLETIVAS

Selecione o ano:

ACORDOS E CONVENÇÕES

SINDICATO DE ENGENHEIROS NO ESTADO DE MINAS GERAIS

Rua Araguari, 658 • Barro Preto • BH / MG
CEP: 30190-110
(31) 3271 7355 • (31) 3546 5151

Negociações Coletivas:
(31) 3271-7355 | E-mail: nc@sengemg.com.br
Página Inicial Facebook Twitter Instagram YouTube WebMail
2018, SENGE MG - SINDICATO DE ENGENHEIROS NO ESTADO DE MINAS GERAIS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS